Chile travel

New York Times destaca o Deserto de Atacama na sua lista dos melhores lugares do mundo para viajar em 2017

Com o título “Novas formas de explorar o deserto mais alto do mundo” o New York Times volta a fixar­se em um dos destinos de nosso país para destacá-lo dentro dos 52 lugares que não se pode deixar de visitar neste 2017. Na lista que a seção de viagens do jornal norte-americano prepara anualmente o Deserto de Atacama ficou no segundo lugar no ranking, um dos mais esperados pelos leitores e de maior difusão no mundo do turismo.

A lista, que lidera o Canadá, destaca o Deserto de Atacama com seus céus limpos, uma característica única no mundo que permite observar as estrelas, além de ser um grande atrativo para os amantes da aventura. Suas paisagens de dunas esculpidas pelo vento e lagos caleidoscópicos de sal, surpreendem mais ainda lá de cima, num passeio em balão aerostático, excursão regular que começou em agosto de 2016.

O Deserto de Atacama é um dos destinos que mais atrai turistas ao Chile. É considerado como o mais árido do planeta e é um autêntico parque de atrações naturais, onde se pode experimentar mais de 375 atrações, entre elas o Salar de Atacama e os géiser del Tatio.

Do Vale da Morte é possível apreciar os pontos mais notáveis da Cordilheira do Sal, onde não só a NASA, mas também a indústria do cinema estão de olho neste ponto do mapa chileno, onde durante os últimos anos tem filmado ali vários filmes e seriais de televisão entre eles se contam Diários de Motocicleta (2004), baseado nos cadernos de viagem do Che Guevara ou Quantum of Solace (2008), da saga de James Bond.

Em sua descrição detalhada de destinos, o New York Times também incluiu outros lugares como, Agra na Índia, Botswana na África, Dubrovnik na Croácia, Tijuana no México, Detroit no estado de Michigan, Estados Unidos, Hamburgo na Alemanha e Pedregal no Equador, um vale montanhoso ao sul de Quito.

https://storage.googleapis.com/chile-travel-static-content/2017/01/Valle-de-la-Luna_we.jpg